Defesa Civil Estadual reúne municípios para reforçar orientações de resposta à emergências

Avaliação do Usuário

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 

Agentes do Estado atuam em apoio às prefeituras desde a manhã do dia 29 de fevereiro. Encontro aconteceu na capital

 

A Secretaria Estadual de Defesa Civil (Sedec-RJ), por meio do Departamento Geral de Defesa Civil (DGDEC), promove mais uma ação de apoio aos municípios afetados pelas últimas chuvas em nosso Estado. O evento aconteceu no dia 5 de março, no Centro Estadual de Administração de Desastres (Cestad), na capital. O encontro teve o objetivo de otimizar as ações municipais de socorro e assistência às vítimas, de restabelecimento dos serviços essenciais e de recuperação das áreas afetadas. 

Quatorze cidades estiveram representadas: Cachoeira de Macacu, Macuco, Rio Bonito, Mesquita, Nova Iguaçu, Niterói, Itaguaí, Queimados, Nova Friburgo, Teresópolis, Tanguá, Seropédica, Magé e Itaboraí. 

Os militares da Sedec esclareceram dúvidas sobre os critérios de decretação de situação de emergência e estado de calamidade pública, assim como orientaram os agentes municipais quanto ao correto preenchimento do FIDE e outros documentos para fomentar as ações de decretação. Na ocasião, os municípios foram mais uma vez incentivados a participarem dos cursos ofertados pela Escola de Defesa Civil (Esdec), com a finalidade de aumentar a capacidade técnica das prefeituras no que diz respeito à Defesa Civil.

A Defesa Civil Estadual e o Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Rio de Janeiro (CBMERJ) seguem mobilizados, desde a manhã do dia 29 de fevereiro, atuando em várias frentes para prevenir e minimizar danos causados pelas chuvas. A secretaria está em contato permanente com as autoridades locais, orientando e prestando o auxílio necessário a cada cidade. Nossos militares percorrem as localidades atingidas, constatando os danos e distribuindo itens de ajuda humanitária para os municípios, em apoio à Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos. Até o momento, mais de quatro mil itens, incluindo kits dormitórios e de higiene, galões de água e cestas básicas, já foram entregues.

Com base nas informações passadas pelas defesas civis municipais, há cerca de seis mil desabrigados/desalojadosReforçamos que estes números, que são gerenciados pelas Prefeituras, são dinâmicos e mudam a todo instante. Até o momento, há confirmação de seis mortes provocadas pelas precipitações que atingiram o Estado do Rio. Mesquita, Rio Bonito e Magé decretaram situação de emergência. Itaguaí decretou situação de calamidade pública.

© 2018 Defesa Civil - Rio de Janeiro. ASSINFO